É fácil prevenir-se contra o câncer de pele. Saiba como clicando aqui!

Área Médica
Siga-nos:

Menu

Pesquisar

Ectima

O que é?

Ectima é uma infecção bacteriana da pele, causada pelo germe estreptococos, que provoca lesões ulcerativas, podendo haver co-infecção com estafilococos. Por se extender até a derme, alguns a consideram uma forma mais agressiva de impetigo. É mais comum em crianças e idosos.

O estreptococos pode iniciar a lesão ou infectar ferimentos já existentes como escoriações ou picadas de inseto. Doenças que comprometam o funcionamento do sistema imune, como o diabetes, e más condições de higiene podem favorecer o seu desenvolvimento.

Manifestações clínicas do ectima

O ectima se inicia de maneira similar a um impetigo, formando uma vesícula ou pústula sobre área avermelhada da pele. Posteriormente, a lesão se aprofunda, dando origem a uma ulceração recoberta por crosta endurecida de coloração cinza amarelada.

A retirada da crosta deixa à mostra uma úlcera rasa com bordas mais elevadas e endurecidas. A lesão pode ser única ou múltipla e a localização mais frequente é nas pernas.

ectima

Lesões de ectima na perna

O ectima dói e pode ser acompanhado de linfadenopatia (íngua). Após regredir, deixa cicatriz.

Existe o risco do surgimento de glomerulonefrite, doença grave que compromete os rins, devido a um fenômeno alérgico relacionado ao estreptococos.

Tratamento

O tratamento vai depender da extensão do quadro. As lesões devem ser bem lavadas com água e sabão e as crostas removidas após o amolecimento das mesmas com compressas úmidas.

O uso de antibióticos de uso local sob a forma de cremes e pomadas está indicado. Nos casos de lesões múltiplas, pode ser necessário o uso de antibióticos por via oral ou injetável.

O tratamento ideal para cada caso deve ser indicado pelo dermatologista.

 

Colaboração: Dr. Roberto Barbosa Lima – Dermatologista

E compartilhe!

ectima

E compartilhe!
Desenvolvido por Visana Comunicação