É fácil prevenir-se contra o câncer de pele. Saiba como clicando aqui!

Realização: Barbosa Lima Dermatologia

Menu

Pesquisar

Auto-exame da pele: detecte lesões suspeitas

O auto-exame da pele é importante para reconhecer os sinais precoces do melanoma, o câncer de pele mais perigoso e que provoca mais mortes.

auto-exame

Assim, deve-se examinar a própria pele com frequência para se habituar com o aspecto usual dos seus sinais e pintas.

Isso torna mais fácil saber se algum deles está se modificando e procurar a opinião de um dermatologista caso isso aconteça.

O auto-exame da pele em 5 passos

1) Examine o seu corpo de frente e de costas no espelho, depois o lado direito e o esquerdo do corpo, com os braços levantados, inclusive as axilas.

2) Dobre os cotovelos e olhe cuidadosamente os antebraços, braços e mãos, frente e verso.

3) Olhe atrás das suas pernas e pés, os espaços entres os dedos e as plantas dos pés.

4) Examine atrás do pescoço e o couro cabeludo com um espelho de mão, separando os cabelos com um pente.

5) Verifique a parte de baixo das nádegas e regiões genitais com o espelho de mão.

Continua logo abaixo!

Continuando…

Sinal do patinho feio

Os sinais benignos tendem a ser simétricos, com bordas regulares, coloração uniforme e menores que 6mm de tamanho. Aqueles que não se encaixam nesse padrão, são suspeitos e devem ser verificados. Entenda melhor estas características, conhecendo a regra do ABCD do melanoma.

Um parâmetro que pode ser útil se você tem vários sinais é observar a característica de todos e, se um deles é diferente dos demais, o “patinho feio” merece uma avaliação por um especialista.

O auto-exame vai possibilitar que você conheça melhor a sua pele e os seus sinais, facilitando perceber o surgimento de lesões que não existiam ou detectando modificações em sinais antigos.

Caso isso ocorra, procure um dermatologista para uma consulta o quanto antes. O diagnóstico precoce é fundamental para a cura do melanoma.

Fototipos cutâneos influenciam no risco de câncer de pele

Uma classificação de tipos de pele (Fitzpatrick), que leva em conta a cor da pele e a sua reação à exposição solar, ajuda a estabelecer que tipo de cuidados uma pessoa deve ter com o sol para ajudar a prevenir o surgimento do câncer de pele.

Veja aqui como saber qual é o seu fototipo cutâneo e as medidas de prevenção que você deve adotar para se proteger.

.

Publicado por: Dr. Roberto Barbosa Lima – Dermatologista Titular da SBD
Site: www.barbosalima.com.br
Instagram: @dr.robertobarbosalima

.

Dr. Roberto Barbosa Lima

Coordenador do Dermatologia.net

Especialista da Sociedade Brasileira de Dermatologia e Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica.

Saiba mais

O câncer de pele é curável

Procure o Dermatologista

Surgiu um sinal novo? Não perca tempo! O câncer de pele, quando tratado precocemente, pode ser curado.

Saiba mais

Desenvolvido por Visana Comunicação