É fácil prevenir-se contra o câncer de pele. Saiba como clicando aqui!

Clínica Barbosa Lima
Siga-nos:

Menu

Pesquisar

Fototerapia focal é promissora no tratamento do vitiligo.

A fototerapia focal foi um dos temas importantes dos cursos práticos em vídeo no XVIII Congresso Brasileiro de Cirurgia Dermatológica realizado em São José do Rio Preto.

A utilização da luz Ultra Violeta filtrada – que emprega a utilização separada das luzes UVA e de coeficientes do UVB – foi destaque como método terapêutico promissor.

Essa técnica age nos tratamentos de vitiligo, psoríase, queimaduras e também na esclerodermia. O mecanismo permite que o paciente se abstenha da exposição das luzes ultravioletas nas áreas sadias da pele. A concentração do tratamento incide apenas na região lesionada e permite resultados altamente satisfatórios nos tratamentos de vitiligo.

Uso da fototerapia focal no tratamento do vitiligo é promissor

De acordo com o médico Alcidarta dos Reis Gadelha, de Manaus, este método pode trazer a regressão total do vitiligo. “É a forma mais moderna e que permite acentuadas melhoras nessa doença. O procedimento é eficiente pelo total controle da intensidade luminosa. É possível mudar a fluência da luz de acordo com a tolerância da área afetada”, explica Gadelha.

O médico ressalta que além dos resultados positivos esse tratamento impede que o paciente desenvolva outras doenças pela exposição das luzes UVA e UVB. “Há casos de pacientes com câncer pelas exposições desnecessárias dessas luzes nas áreas cincundantes às lesões”, enfatiza.

Fonte: Raízes Assessoria em Comunicação (04/06/2006).

E compartilhe!

Desenvolvido por Visana Comunicação