É fácil prevenir-se contra o câncer de pele. Saiba como clicando aqui!

Realização: Barbosa Lima Dermatologia

Menu

Pesquisar

Cancro mole ou cancroide

O que é?

O cancro mole é uma doença sexualmente transmissível (DST), também chamada de cancroide, cancro venéreo e popularmente conhecida como “cavalo”. Pode ser transmitido pela relação sexual vaginal, anal ou oral e manifesta-se através de feridas dolorosas com base mole nos órgãos genitais.

Os primeiros sintomas do cancro mole aparecem dois a cinco dias após relação sexual desprotegida com portador da doença, período que pode se estender em até duas semanas.

Manifestações clínicas do cancro mole

O cancro mole começa como uma ou mais feridas pequenas com pus. Após algum tempo, a ferida aumenta de tamanho e profundidade, tornando-se úmida e bastante dolorosa. A lesão inicial se espalha e surgem outras feridas em volta das primeiras.

cancro mole

Cancro mole. Imagem cedida por craigslist coast of oregon

Após duas semanas do início do cancro mole, pode aparecer um caroço doloroso e avermelhado (íngua) na virilha, que chega a dificultar os movimentos da perna, chegando a impedir a pessoa de andar. Essa íngua pode abrir e expelir um pus espesso, esverdeado, misturado com sangue.

Nos homens, as feridas, em geral, localizam-se na glande (cabeça do pênis). Na mulher, ficam, principalmente, na parte externa do órgão sexual e no ânus e mais raramente na vagina (ressalte-se que a ferida pode não ser visível, mas provoca dor na relação sexual e ao evacuar).

O quadro clínico pode ser acompanhado de dor de cabeça, febre e fraqueza.

Tratamento

Como o contágio é feito pela prática sexual, a melhor forma de prevenir-se contra o cancro mole é fazer uso do preservativo em todas as relações sexuais.

O cancro mole é tratado com medicamentos à base de antibióticos, sabonetes e medicações de uso local. Além do tratamento, deve-se realizar intensa higiene dos locais afetados.

As relações sexuais devem ser evitadas até a conclusão do tratamento. É recomendado o tratamento dos parceiros sexuais, em qualquer circunstância, pela possibilidade de existirem portadores que não manifestem sintomas.

Fonte: https://www.dermatologia.net/dating-apps-for-bdsm/ .

 

Dr. Roberto Barbosa Lima

Coordenador do Dermatologia.net

Especialista da Sociedade Brasileira de Dermatologia e Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica.

Saiba mais

O câncer de pele é curável

Procure o Dermatologista

Surgiu um sinal novo? Não perca tempo! O câncer de pele, quando tratado precocemente, pode ser curado.

Saiba mais

Desenvolvido por Visana Comunicação