É fácil prevenir-se contra o câncer de pele. Saiba como clicando aqui!

Clínica de Dermatologia Barbosa Lima

Menu

Pesquisar

Lipoma (tumor benigno de gordura)

O que é?

O lipoma é um tumor benigno formado por tecido gorduroso que cresce lentamente por baixo da pele. Pode ser único ou múltiplo.

Quem pode ter?

Ocorre em pessoas de qualquer idade, apesar de ser mais comum em adultos e mais percebido na faixa da meia idade.

Afeta os dois sexos da mesma forma, sendo o lipoma solitário mais comum na mulher e os múltiplos nos homens.

Continua logo abaixo…

Continuando…

Qual é a causa?

A causa é desconhecida. É possível que haja uma tendência genética, já que muitos pacientes com lipomas tem outros familiares com histórico deste tipo de tumor.

Alguns pacientes referem ter sofrido um trauma, como uma contusão, no local onde posteriormente surgiu um lipoma.

Características clínicas do lipoma

É comum que as pessoas só percebam que tem um lipoma até que ele cresça o suficiente para se tornar visível ou palpável.

A lesão costuma formar um relevo na pele que, por cima, tem o aspecto normal. Em algumas pessoas só se nota a lesão quando se apalpa o local onde ela está, percebida como uma “bolota” no subcutâneo.

A consistência varia de bem macia a firme e, em geral, a lesão pode ser facilmente mobilizada embaixo da pele com os dedos.

O crescimento é lento, ao longo de anos, mas o lipoma pode crescer bastante, começando pequenino (0,5cm) até atingir muitos centímetros. Quando grandes, tornam-se bem visíveis e podem provocar incômodo estético para o paciente.

Nas fotos abaixo, observa-se um lipoma quando diagnosticado e após 2 anos de evolução, notando-se perfeitamente o aumento do seu tamanho neste período.

lipoma
Lipoma na região torácica (seta)
lipoma
Lipoma na região torácica após 2 anos de evolução

A maioria dos lipomas é assintomático, mas alguns podem ser dolorosos quando se aplica pressão sobre eles. Neste caso, usualmente trata-se de um angiolipoma (um lipoma que tem um aumento do número de vasos sanguíneos).

Continua logo abaixo…

Continuando…

Tratamento do lipoma

O tratamento é simples na maioria das vezes, através de uma pequena cirurgia que, em geral, é realizada no próprio consultório.

Após anestesia local a lesão é retirada através de uma pequena incisão na pele, e o material removido parece uma “bola de gordura”.

lipoma
Cirurgia de lipoma

Como são tumores muito maleáveis, mesmo lesões de grande tamanho podem ser retiradas através de incisões pequenas na pele.

Alguns lipomas localizam-se mais profundamente ou estão aderidos a outras estruturas, como os músculos, situações mais comuns nos lipomas do dorso do tronco. Nestes casos, a cirurgia fica mais complexa e exige cuidados adicionais.

Uma avaliação pela ultrassonografia pode ajudar a definir a profundidade da lesão e a prever que tipo de cirurgia será mais indicada.

Se você conhece alguém que tenha um lipoma, compartilhe este conteúdo e diga para que procure um médico dermatologista que realize cirurgia dermatológica para o correto diagnóstico e tratamento.

.

Publicado por: Dr. Roberto Barbosa Lima – Dermatologista Titular da SBD
Site da clínica: www.barbosalima.com.br
Instagram: @dr.robertobarbosalima

.

Dr. Roberto Barbosa Lima

Responsável pelo Dermatologia.net

Especialista da Sociedade Brasileira de Dermatologia e Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica.

Saiba mais

O câncer de pele tem cura

Procure o Dermatologista

Surgiu um sinal novo? Não perca tempo! O câncer de pele, quando tratado precocemente, pode ser curado.

Saiba mais

Desenvolvido por Visana Comunicação