É fácil prevenir-se contra o câncer de pele. Saiba como clicando aqui!

Realização: Barbosa Lima Dermatologia

Menu

Pesquisar

Terçol ou hordéolo

O que é?

O terçol, ou hordéolo, é uma infecção bacteriana dos folículos ciliares e de glândulas palpebrais. A bactéria responsável é o estafilococo.

A doença é mais comum em crianças e em pessoas que possuem blefarite (inflamação das bordas palpebrais), especialmente a blefarite seborreica, uma manifestação da dermatite seborreica.

Continua logo abaixo!

Continuando…

Manifestações clínicas do terçol

O terçol se inicia por vermelhidão da pálpebra, que logo se torna inchada e dolorida, principalmente na sua borda, onde pode surgir um ponto branco ou amarelado de pus. Pode haver lacrimejamento, aumento da sensibilidade à luz e sensação de corpo estranho no olho.

terçol
Terçol: mais comum em crianças

A inflamação pode afetar apenas uma pequena área da pálpebra ou, nos casos mais intensos, a pálpebra toda. Quando o acúmulo de pus aumenta muito, a lesão pode drenar por si só, liberando a secreção e diminuindo a inflamação e a dor. Se a infecção for mais profunda, a drenagem do terçol não ocorre espontaneamente.

Tratamento

O tratamento do terçol consiste no uso de pomadas oftálmicas contendo antibióticos aplicadas no local afetado duas a três vezes por dia. Nos casos que apresentam ponto amarelado de pus na borda da pálpebra, compressas úmidas e mornas (o calor deve ser confortável) podem facilitar a abertura e drenagem do conteúdo purulento.

Lesões mais profundas podem necessitar de drenagem cirúrgica. O tratamento ideal para cada caso deve ser indicado pelo médico dermatologista ou oftamologista.

.

Publicado por: Dr. Roberto Barbosa Lima – Dermatologista Titular da SBD
Site: www.barbosalima.com.br
Instagram: @dr.robertobarbosalima

.

Dr. Roberto Barbosa Lima

Coordenador do Dermatologia.net

Especialista da Sociedade Brasileira de Dermatologia e Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica.

Saiba mais

O câncer de pele é curável

Procure o Dermatologista

Surgiu um sinal novo? Não perca tempo! O câncer de pele, quando tratado precocemente, pode ser curado.

Saiba mais

Desenvolvido por Visana Comunicação