É fácil prevenir-se contra o câncer de pele. Saiba como clicando aqui!

Realização: Barbosa Lima Dermatologia

Menu

Pesquisar

Sinal suspeito! Quando desconfiar?

Sinal suspeito na pele? Ele já existia ou é novo? Está se modificando? Será que eu não tinha reparado nele?

Sinais escuros e pintas são lesões comumente encontradas em muitas pessoas. São os nevos melanocíticos.

Raramente, já podem estar presentes desde o nascimento mas, o mais frequente, é irem aparecendo ao longo dos anos, principalmente na fase da adolescência.

sinal suspeito

A grande maioria destas lesões é benigna e assim permanecerá ao longo de toda a vida.

No entanto, uma minoria delas pode sofrer uma transformação, dando origem a um melanoma, o tipo mais perigoso de câncer de pele.

O melanoma também pode começar como um novo sinal que surge num local da pele onde antes não havia nada.

Continua logo abaixo!

Continuando…

Quando considerar um sinal suspeito?

Algumas características dos sinais podem indicar quando devemos suspeitar de que estejam se transformando em um câncer de pele.

Por isso, devemos estar atentos para os sinais que:

– Não existiam antes;
– São diferentes de todos os outros, o “sinal do patinho feio”;
– Estão sofrendo modificação na cor ou no tamanho;
– Apresentem sintomas como coceira, inflamação ou dor;
– Sangram com pequenos traumas, como o roçar da toalha.

ABCD do melanoma

Além destas características acima, devemos suspeitar de sinais que apresentem o ABCD do melanoma:

Assimetria: uma parte do sinal é diferente da outra;
Bordas irregulares: que apresentam reentrâncias ou saliências, ou que sejam mal definidas;
Coloração variada: apresentem cores que variam entre bege, marrom, preto, cinza, vermelho e branco;
Diâmetro maior do que 6mm: aproximadamente o diâmetro de um lápis (melanomas detectados precocemente podem ser menores do que isso).

Pessoas que apresentem sinais com alguma dessas características devem ser avaliados pelo dermatologista, que definirá se eles devem ou não ser removidos.

Para detecção precoce de um sinal suspeito, é importante que se faça o auto-exame da pele e fazer anualmente uma visita ao dermatologista, para que ele possa detectar qualquer lesão suspeita e indicar se ela deve ser removida ou não.

.

Publicado por: Dr. Roberto Barbosa Lima – Dermatologista Titular da SBD
Site: www.barbosalima.com.br
Instagram: @dr.robertobarbosalima

.

Dr. Roberto Barbosa Lima

Coordenador do Dermatologia.net

Especialista da Sociedade Brasileira de Dermatologia e Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica.

Saiba mais

O câncer de pele é curável

Procure o Dermatologista

Surgiu um sinal novo? Não perca tempo! O câncer de pele, quando tratado precocemente, pode ser curado.

Saiba mais

Desenvolvido por Visana Comunicação